Sobre a Cachaça Urucuiana

Cachaça Artesanal em Buritis MG

Fabricada na Adega Fazenda HB tem como critério severa assepsia, sendo fiscalizada por nutricionista e obedece os mais rígidos padrões de qualidade, respeitando o meio ambiente e a natureza. Utilizamos somente o coração (parte nobre da cachaça), sendo caracterizada pelo aroma intenso e persistente, e por seu sabor marcante e agradável.

Em homenagem ao vale do Rio Urucuia, imortalizado em prosas e versos por grandes poetas brasileiros, cujo significado é "ouro na cuia", nasceu a Cachaça Urucuiana, com talento e a tradição de Minas Gerais.

É produzida uma pequena quantidade devido ao tempo para ser alambicada e o período em que ficaenvelhecendo em toneis de madeira que são :

Luiz Henrique Braga Guedes, empresário, nascido em 10/ABRIL/1940.

PAIXÃO PELA TERRA

Em maio de 1979, encantado com a beleza do Vale do Urucuia, visualizei o seu potencial hídrico e solo fértil, nos sentimos chegando à nova casa.

De imediato, adquirimos terras do Sr. Orlando Prado para exploração da pecuária, mas, em 1985, descobri que o Vale do Urucuia era uma região apta para o plantio de seringueiras, segundo mapa de zoneamento agroclimático do IAC.

Em junho de 1985, pedi demissão da Empresa Guatapará Florestal Planejamento e Reflorestamento, cargo de Gerente Florestal por longos 14 anos, deixando ali plantado 50.000.000 (cinquenta milhões) de pés de eucalipto, região de Ribeirão Preto-SP.

ENCONTRO DOS COMPONENTES HOMEM/TERRA

Ao iniciar o plantio da seringueira em Buritis, foram feitas 65.000 mudas para o plantio das futuras seringueiras.

No princípio a mão de obra era temporária, até começo da produção da borracha, a mão de obra se especializou, muito embora ficasse ociosa por três meses, entressafra de julho a outubro de cada ano.

PROJETO CACHAÇA

Como alternativa durante o período de entre safra, para não ter que dispensar os funcionários, surgiu à ideia do Projeto Cachaça.

Contratando pessoas qualificadas, atendendo as especificações do Ministério da Agricultura exigidos na sua plenitude, iniciamos a primeira produção da cachaça Urucuiana, (homenagem ao rio Urucuia) no ano de 2000.

Em 2002, devido à qualidade do nosso produto, viabilizamos a oportunidade de exportarmos a Urucuiana além das nossas fronteiras, Canadá.

Foi quando ficamos sabendo que a cachaça Urucuiana não atendia as especificações da legislação canadense, no seu aspecto físico-químico, para o componente carbamato de etíla (cancerígeno).

Procurei ajuda pelo professor Dr. Fernando Valadares Novaes, docente aposentado da USP de Piracicaba SP (ESALQ), alguma orientação para trabalhar nos possíveis precursores, até então desconhecidos, que elevavam os níveis do carbamato de etíla.

Nas safras de 2003/2004, depois de muitas pesquisas, consegui baixar os níveis desses componentes, ficando numa faixa estacionária.

De 2004 a 2011, prosseguimos os experimentos até atingirmos níveis excelentes em todos os componentes exigidos para padrões internacionais.

E finalmente, após anos de pesquisas Científicas, no ano de 2012, fomos premiados com a medalha de ouro participando da avaliação no IX BRASILIAN MEETING ON CHEMISTRY OF FOOD AND BEVERAGE (BMCFB) – UNESP ARARAQUARA - SP, realizado durante o V CONCURSO NACIONAL DA QUALIDADE DAS CACHAÇAS BRASILEIRAS pela USP de SÃO CARLOS – SP (IQSC).

“Em diversos lugares do mundo, a manifestação mais importante é o encontro de todos os componentes sinérgicos do solo com o clima e com o Homem.”

Buritis, 15 de Setembro de 2013. Luiz Henrique Braga Guedes

Nasci em solo de aluvião (muito rico em matéria orgânica), no Vale do Urucuia, às margens do Rio São Domingos. Moro na Adega Fazenda HB, à sombra dos seringais, onde posso ser encontrada em pequena quantidade, envelhecendo lentamente em tonéis de madeira. Sou produzida com severa assepsia, obedecendo os mais rígidos padrões de qualidade, respeitando o meio ambiente e a natureza.

Sou uma cachaça de coração (parte nobre da cachaça), por isto tenho aroma intenso e persistente, com sabor marcante e agradável. O meu maior prazer é estar em sua companhia, junto com os amigos numa boa prosa, preservando a tradição e a hospitalidade do povo mineiro.

Nós da Fazenda HB quando decidimos produzir uma cachaça de qualidade superior, buscamos nas literaturas e experiências de velhos alambiqueiros o conhecimento e aprendizado necessários para podermos utilizar a fundo os segredos, o processo e a qualidade de uma boa bebida.

Em terreno adequado, respeitando-se o meio ambiente, construimos nosso alambique, pois tínhamos a nosso favor, região de clima bem definido, água de pureza cristaliana inigualável e, devido a fertilidade do solo, a mais viçosa cana.

Em homenagem ao vale do Rio Urucuia, imortalizado em prosas e versos por grandes poetas brasileiros, cujo significado é "ouro na cuia", nasceu a Cachaça Urucuiana, com talento e tradição das gerais.

Com disposição, tecnologia e capricho na elaboração da melhor cachaça, garantimos que fizemos uma alquimia em transformar caldo de cana destilado em ouro líquido, a Urucuiana.

Convidamos vocês amigos à degustá-la, com a certeza de tornarem-se nossos grandes apreciadores.

Cordialmente, Luiz Henrique Braga Guedes | Proprietário e Idealizador da Cachaça Urucuiana.